Izais do Bandolim e Cordão Assim É Que É

Um dos maiores representantes do choro atualmente, o bandolinista Izaías Bueno conduz a apresentação ao lado do Cordão Assim É que É, grupo que reúne mais de 10 músicos expoentes da nova geração do choro em São Paulo. Todo o repertório é fruto de uma pesquisa para resgatar a obra do instrumentista e compositor Bonfiglio de Oliveira (1891- 1940). Autor de aproximadamente uma centena de músicas, em sua maioria choros e maxixes, Bonfiglio tocou ao lado de figuras como Pixinguinha, Donga e João da Baiana.

 

Izaias

Com 80 anos, Izaías do Bandolim apresenta esse projeto com o entusiasmo de um garoto. Afinal, possui um laço emocional forte com a obra de Bonfiglio. “Flamengo”, maxixe do compositor paulista, foi a primeira música tocada ao bandolim por Izaías, aos 12 anos de idade. Desta marca biográfica, surgiu o nome deste projeto: Izaías do Bandolim: o bom filho à casa torna. Em seus quase 70 anos de dedicação à música, o bandolinista reuniu um acervo pessoal de mais de 1500 partituras musicais, entre choros, valsas, polcas e maxixes.

O Cordão:

Grupo musical constituído originalmente para executar os arranjos originais de Pixinguinha registrados em dois discos lançados pela gravadora Sinter, nos anos 1950, e resgatados recentemente por meio da publicação das partituras originais realizada pelo Instituto Moreira Sales. O Cordão é formado por jovens músicos de destaque no cenário paulistano: Rubens Antunes (trompete); Natan Oliveira (trompete); Leandro Oliveira (flauta); André de Almeida (clarinete); Phillips Thor (bombardino); Marcos Tudeia (tuba); Henrique Araújo (cavaquinho); Gian Correa (violão); Douglas Alonso (percussão); Rafael Toledo (percussão) e Alfredo Castro (percussão). 

Foto Paulo Rapoport

O repertório

1) Flamengo - maxixe
2) A César o que é de César - maxixe
3) Estou Amando - choro
4) Gargalhada - polca
5) Relembrando o Passado - choro
6) Glória - valsa
7) Saudades de Guará - choro
8) Tudo Dança - maxixe
9) O Bom Filho À Casa Torna - maxixe
10) Não Posso Comer Sem Molho - maxixe

Obs.:

Todas as músicas são de autoria de Bonfiglio de Oliveira.

Quem que tá:


Nailor Proveta (arranjos e clarinete)
André Almeida (clarinete)
Leandro Oliveira (flauta piccolo)
Rubens Antunes (trompete)
Natan Oliveira (trompete)
Marcos Tudeia (tuba)
Phillips Thor (bombardino)
Henrique Araújo (arranjos, cavaquinho e banjo)
Gian Corrêa (arranjos e violão)
Alfredo castro (percussão)
Douglas Alonso (bateria)
Rafael Toledo (percussão)

© 2018 Rubra Rosa Projetos Culturais Ltda - ME

Rua Padre Antonio Tomás 227/51 - Água Branca 

São Paulo CEP 05003-010

  • Facebook Clean
  • Twitter Clean